14 de nov. de 2017

Hoje, dia 14/11 é dia de samba no Teatro Rival Petrobras, show de Adriana Passos

Adriana Passos , em show inedito, dia 14/11 , às 20 horas no Teatro Rival Petrobras


Adriana Passos - literalmente traz o samba na veia

Véspera de feriado é um dia perfeito para cair no samba. Sendo assim, uma ótima opção é o show de Adriana Passos no Rival. Criada nas rodas de samba caseiras, ela é neta de Arnaldo Passos parceiro de Geraldo Pereira em “Escurinha” e de Monsueto em “Mora na filosofia”. Formada pela CAL – Casa de Artes de Laranjeiras –, Adriana participou da Companhia de Menestréis de Oswaldo Montenegro, atuando como cantora e atriz por três anos. Acabou se decidindo pela música e graduou-se na UNI-RIO. Passou, então, a cantar em casas noturnas e saiu do Rio para São Paulo, Minas Gerais e Bahia, até partir para uma turnê de três anos pelos Estados Unidos. De volta ao Brasil, mergulhou no movimento de resistência cultural da Pedra do Sal nos anos 2000 – O Sal do Samba. Esse, aliás, é o nome de seu novo trabalho, em que resgata a obra do avô e traz também composições próprias e inéditas de outros compositores, como Moyseis Marques. O resultado que todo mundo vai poder conferir no show do dia 14 combina jongo, coco, tambor de crioula e, claro, o samba tradicional do avô com uma roupagem original.

Adriana Passos - literalmente traz o samba na veia

Criada na tradição do samba, desde muito cedo já participava das rodas caseiras promovidas por seu pai Aldo Passos também compositor e parceiro. De seu avô Arnaldo
Passos, herdou o gosto pelas artes, principalmente a música. Arnaldo é um sambista muito reconhecido e sua obra figura entre as mais importantes do gênero, tendo como parceiros mais frequentes, Geraldo Pereira, Monsueto e Luis Vieira. Arnaldo Passos é autor de Mora na Filosofia, Menino de Braçanã, Escurinha, Samba Bom e tantos outros sucessos cantados e gravados ainda hoje .
Talento precoce, aos 18 anos Adriana já era atriz formada pela CAL - CASA DE ARTES DE LARANJEIRAS - e participou da “Companhia de Menestréis” de Oswaldo Montenegro onde atuou como cantora e atriz por três anos.
Decidindo-se pela música, formou-se pela UNI-RIO e ganhou as noites no eixo - Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais e Bahia, até partir para uma turnê de três anos pelos EUA - Miami, Boston e Nova York.
De volta ao Brasil mergulha na essência rítmica da nossa música, participando ativamente do movimento de resistência cultural da Pedra do Sal nos anos 2000 - O Sal do Samba. Acompanhada pelo Grupo Panela de Barro, Adriana se junta a grandes sambistas, como Camunguelo, Velha Guarda da Portela, Monarco e a madrinha Beth Carvalho reconquistando o tradiconal espaço da cultura carioca.

Sal do Samba, não por acaso, entitula o novo trabalho de Adriana Passos. O trabalho resgata a obra do seu avô e traz também composições próprias, e inéditas de compositores que vem se destacando no atual cenário musical, como Adler São Luiz, Ednaldo Lima, Marco Jabú, Ricardo Mansur e a participação especial de Moyses Marques.

Côco, Tambor de Criôla e Jongo, se juntam ao samba tradicional de Arnaldo Passos com uma roupagem singular, marca registrada do talento de Adriana Passos.

Serviço:
Show: Adriana Passos
Terça-feira, dia 14 de novembro de 2017, às 20 horas.
Local: Teatro Rival Petrobras
Endereço: Rua Álvaro Alvim, 33/37, Cinelândia – RJ
Ingressos: R$ 50,00

Teatro Rival Petrobras

Rua Álvaro Alvim, 33/37 - Centro/Cinelândia - Rio de Janeiro

(21) 2240-9796

Capacidade: 400 pessoas

Censura: 18 anos
Bilheteria (novo horário!): terça a sexta das 13h às 21h; sábados e feriados das 16h às 22h.

http://www.rivalpetrobras.com.br/

https://www.facebook.com/teatro.rival/

Instagram: @teatro.rival

Twitter: @teatro_rival

Agenda Cultural RJ ▪ Gabriele Nery ▪ Produção e Divulgação de Eventos Culturais. Colagem de Cartazes e Distribuição de Filipetas em pontos estrategicos. Divulgação de Midia Online.
Cont
 #agendaculturalrj

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Minha lista de blogs