Digite aqui o seu e-mail e passe a receber a programação cultural GRATUITA do Rio de Janeiro

29 de jun de 2015

TEATRO RIVAL PETROBRAS APRESENTA - Elymar Santos comemorando 30 anos de carreira Longe do teatro desde 2007, ele promete escancarar de vez cantando todos seus sucessos! #agendaculturalrj Divulgue seu evento no Agenda Cultural RJ!


O público pediu, ele está de volta. Elymar Santos é a atração do Teatro Rival Petrobras nos dias 2 e 9 de julho. Se foi no extinto Canecão que o cantor se lançou ao sucesso, é no palco do Rival que ele vai comemorar seus 30 anos de carreira. E palco é algo de que Elymar gosta muito. Ele se entrega com paixão e sempre canta todos seus maiores sucessos. Por isso, não vão faltar no repertório músicas que os fãs sabem de cor como “Escancarando de vez”, “Cachaça”, “Taras e manias”, “Teu jogo”, “Dez a dez” e “Subindo pelas paredes”, essa última canção composta por ele mesmo.

Cantor preferido de Chico Anysio, Elymar tem, realmente, muito a comemorar nesses 30 anos de carreira. Imperatriz Leopoldinense de coração – ano passado, estreou como compositor da escola –, o cantor já foi enredo de várias escolas de samba do Rio de Janeiro e de São Paulo. Em 1991, foi tema da escola Em cima da hora, do grupo de acesso do Rio, com o enredo "Elymar: o sonho que virou canção". Sete anos depois, foi homenageado na Império da Tijuca, com "Elymar Superpopular". Em 1999, a Camisa Verde e Branco lançou o tema "Escancarando o coração verde e branco: Elymar mais popular", sendo a primeira escola paulista a homenageá-lo. No ano seguinte, foi incluído como um dos destaques da história dos 500 anos do Brasil, enredo de outra escola paulista, a Acadêmicos do Tucuruvi.

Mais sobre Elymar:
Nascido no Complexo do Alemão – uma das maiores comunidades carentes do Rio de Janeiro, localizada no bairro de Ramos –, Elymar Santos teve uma infância humilde trabalhando sempre para ajudar a complementar o orçamento doméstico. Adolescente, começou a cantar em barzinhos e churrascarias e, mais tarde, participou de programas de calouros e se saiu bem cantando nos programas do Chacrinha e de Flávio Cavalcanti. A primeira oportunidade para gravar surgiu em 1972, quando Elymar lançou um compacto. Com os shows tornando-se mais frequentes, Elymar tomou coragem para se arriscar e, em novembro de 1985, viveu uma noite de glória: alugou o Canecão. O sucesso da ousadia veio ratificar um trabalho iniciado nos programas de calouros.

Em 1986/1987, participou, em São Paulo, da ópera-rock, "Evita", em que interpretava Che Guevara, trabalho que lhe rendeu o prêmio de melhor ator.

Elymar também atuou como apresentador de TV. No programa da CNT “Elymar Popular”, dava chance a novos talentos e resgatava os antigos ídolos da Música Popular Brasileira.

Serviço:
Teatro Rival Petrobras
Dias  2 e 9 de julho, quintas-feiras, às 19h30
Rua Álvaro Alvim, 33/37 – Cinelândia – Tel.: 2240-4469
 Preço:
Setor A / Mezanino:
R$   120 (Inteira)
R$     60 (Meia-entrada)
Setor B:
R$   100 (Inteira)
R$    80 (Promoção para os 100 primeiros pagantes)
R$    50 (Meia-Entrada)
Classificação: 16 anos
Capacidade: 458 lugares

Agenda Cultural RJ
Divulgamos espetáculos, shows, festivais, exposições e muito mais! 
Divulgação Cultural, Mídia Online, Distribuição de Filipetas e Colagem de Cartazes. 
(21)99676-9323 (WhatsApp) 

 agendaculturalrj@gmail.com 

 #agendaculturalrj

  Instagram

Digite aqui o seu e-mail e passe a receber a programação cultural GRATUITA do Rio de Janeiro

Minha lista de blogs